Notícias em Destaque

9 ditados e expressões populares que têm origem na Bíblia e talvez você não saiba

Aleteia - Maria Paola Daud | Jun 19, 2018

Você já ouviu algum deles? Sabe de qual livro bíblico foi retirado?

Há inúmeras frases e ditados populares que falamos ou ouvimos todos os dias. São recursos linguísticos que facilitam nossa comunicação. O que você pode não saber, entretanto, é que muitas dessas expressões vieram da Bíblia e foram introduzidas nas nossas conversas cotidianas.

Abaixo, apresentamos algumas delas e os respectivos livros bíblicas de onde foram retiradas.

1 - Ver para crer - Jo 20, 24-29

Serve para expressar falta de credibilidade, para exigir provas de quem está falando. Em outro sentido, designa surpresa diante do que estamos vendo.

2 - Lavo as minhas mãos - Mt 27,24

Frase usada quando alguém não quer ter responsabilidade sobre algo ou quer desistir de alguma coisa. Faz referência à atitude de Pôncio Pilatos.

3 - Olho por olho, dente por dente - Ex 21,24

Remete ao senso de justiça (ou vingança), segundo a Lei de Talião. A frase pode ser interpretada como uma busca pela proporcionalidade entre a ação e suas consequências.

4 - Não há nada de novo sob o sol - Ec 1,9

Refere-se a algo que não é novo, que tende a se repetir ou que foi copiado.

5 - O beijo de Judas - Lc 22,48

Refere-se à traição, à hipocrisia

6 - Lobo com pele de ovelha - Mt 7,15

Trata-se de uma expressão para designar pessoas com falsa aparência, que se dizem inocentes, quando, na verdade, têm segundas intenções.

7 - Buscai e achareis - Mt 7,7

Remete à persistência, tão necessária para nós, cristãos.

8 - Em um piscar de olhos - 1Co 15,52

Ilustra um acontecimento de curta duração, um fato que acontecerá muito rapidamente.

9 - Faca de dois gumes - Pr 5,4

Ditado que está relacionado a conseguir algo que pode ter um efeito contrário ao que se pretende.

Arquivo
Histórico
Postagens recentes
Busca por Tags